Medicina Nuclear

O que é?

A Medicina Nuclear é uma especialidade Médica que utiliza pequenas quantidades de radiofármacos para a realização de exames por imagens (cintilografias), tratamentos e cirurgias radioguiadas. As imagens das cintilografias são captadas por uma câmara de cintilação, equipamento que registra o funcionamento do órgão analisado. Esse método permite diagnósticos precoces e com alta precisão.

Para que serve?

Além de diagnósticos em diversas especialidades, a medicina nuclear também é utilizada em procedimentos terapêuticos. Os tratamentos são realizados para patologias da tireóide como o hipertireoidismo e para alguns tipos de tumores como os de tireóide, mama, próstata e neuroendócrinos.
Nas cirurgias radioguiadas utiliza-se um equipamento chamado “gama-probe” que permite a localização intra-operatória de lesões previamente marcadas através de cintilografias ósseas, de paratireóides, linfocintilografias, etc. 

É seguro?

As cintilografias são exames indolores, não invasivos e extremamente seguros. A radiação que o paciente recebe para o exame é muito pequena e os radiofármacos, ao contrário dos contrastes, não causam reações adversas. Pacientes idosos, recém nascidos e pacientes com problemas renais também podem realizar cintilografias sem riscos.